sexta-feira, 14 junho 2024

A ATUALIDADE

Insegurança alimentar atinge cerca de mil famílias no sul de Moçambique

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Cerca de mil famílias no distrito de Guijá, em Gaza, sul de Moçambique, enfrentam insegurança alimentar devido aos impactos do fenómeno climático El Niño, disse hoje o administrador local.

"São famílias vulneráveis compostas por idosos, crianças órfãs e pessoas com deficiência que se ressentem do défice de alimentos", avançou Jaime Mugabe, citado hoje pelo órgão público Rádio Moçambique (RM).

Segundo o administrador, a insegurança é resultante do "fracasso" na presente época agrícola, por conta do fenómeno climático El Niño.

Como resposta, o Instituto Nacional de Ação Social (INAS) realiza campanhas de distribuição de alimentos às famílias afetadas.

"Os beneficiários vão receber uma cesta básica composta por arroz, farinha de milho, feijão, óleo de cozinha e sal, por um período de três meses", explicou.

No final de setembro, o Presidente de Moçambique, Filipe Nyusi, apelou à preparação da população e das entidades para os previsíveis efeitos do fenómeno El Niño no país nos meses seguintes, com previsões de chuvas acima do normal e focos de seca.

Moçambique é considerado um dos países mais severamente afetados pelas alterações climáticas globais, enfrentando ciclicamente cheias e ciclones tropicais durante a época chuvosa, que decorre entre outubro e abril.

O El Niño é uma alteração da dinâmica atmosférica causada por um aumento da temperatura oceânica. Este fenómeno meteorológico está também a provocar chuvas torrenciais na África Oriental, que já causaram centenas de mortos no Quénia, Burundi, Tanzânia, Somália e Etiópia.

A Semana com Lusa 

 

120 Characters left


Colunistas

Opiniões e Feedback

Antonio
17 days 12 hours

Que grande reflexão do Água Lusa!!! Bem enquadrado. Até os nascidos na era portuguesa não são valorizados.

Daniel Dias
21 days 17 hours

Coitado do Leão Vulcão. Perdeu o emprego.

liketerra
23 days 9 hours

A criminalidade Murdeira já é de muito tempo e inclui os proprios admnistradores condominio que mandam os guardas agridi

Pub-reportagem

publireport

Rua Vila do Maio, Palmarejo Praia
Email: asemana.cv@gmail.com
asemanacv.comercial@gmail.com
Telefones: +238 3533944 / 9727634/ 993 28 23
Contacte - nos

Outras Referências